29 de Setembro de 2021

Merchandising - Quais são as melhores estratégias para aplicar nos pontos de venda?


Merchandising - Quais são as melhores estratégias para aplicar nos pontos de venda?

O merchandising é uma estratégia que vai permitir o destaque do seu produto diante da concorrência nos pontos de venda. Essa estratégia, quando bem aplicada, garante que o cliente fortaleça o seu vínculo com a marca.


Com tantas mercadorias e marcas diferentes disponíveis no mercado, é preciso criar estratégias para atrair o interesse do consumidor para determinado produto. E que lugar melhor para incentivar uma compra do que o próprio ponto de venda?


Do que se trata o merchandising no ponto de venda?


O ponto de venda é um local onde um produto ou serviço é exposto diretamente ao consumidor, independentemente da sazonalidade ou promoção oferecida.


Segundo a pesquisa "A hora certa de ativar o shopper", realizada anualmente pela Nielsen, cerca de 70% das decisões de compra são tomadas na frente das gôndolas, sendo que 50% delas são feitas por hábito. 


Diante dessas informações, é inegável que é fundamental estudar e aplicar as melhores estratégias de merchandising no PDV.


Você consegue atender todas as demandas do seu produto?


Nem sempre uma ponta de gôndola, por exemplo, é suficiente se não houver uma estratégia estruturada para influenciar na decisão de compra do shopper. 


As melhores práticas para o merchandising no PDV


Confira algumas dicas de como implementar uma estratégia de merchandising no PDV de forma efetiva:

  • Realize uma pesquisa sobre seu público-alvo para conhecer os seus hábitos e padrões de comportamento;

  • Informe os objetivos da ação de maneira clara (sinalizar o desconto em caso de promoção, por exemplo), para não causar nenhum tipo de confusão;

  • Mostre os diferenciais do seu produto ou da sua marca;

  • Chame a atenção para o seu espaço;

  • Melhore o visual das ações periodicamente, para não ficar desgastado rapidamente;

  • Ofereça exclusividade, já que a ideia da ação é se destacar;

  • Procure fazer algo diferente e inusitado;

  • Acompanhe sempre o resultado das suas ações, medindo e avaliando.

Além disso, pode-se levar em consideração algumas tendências da área. Veja a seguir!

Inovação


É muito difícil se destacar sem inovar, seja nos produtos oferecidos, na forma com que eles são inseridos no mercado e até mesmo como eles são expostos nos pontos naturais. Para superar a competição é necessário criar novas tendências, buscar estratégias assertivas e ações inovadoras. 

 

Tecnologia


Obter informações dos pontos de venda é fundamental para analisar resultados e criar novas estratégias sempre que preciso. Os números são a base para aumentar a assertividade em decisões estratégicas e potencializar pontos cruciais para o sucesso da marca. 

Quais as melhores estratégias para o seu ponto natural

Experiências sensoriais

Nem todos os produtos podem trabalhar com os cinco sentidos, mas extrair o máximo de cada um é fazer com que o consumidor crie familiaridade com o produto.

Quantas vezes você passou por algum lugar e sentiu o cheiro do café passado na hora, ou comprou algum produto apenas pela embalagem que fez seus olhos brilharem? É disso que estamos falando. Se seu produto consegue despertar diversas sensações ao mesmo tempo, melhor ainda!

Segundo uma publicação da Universidade de Caxias do Sul (UCS), cada sentido tem um grau de impacto no cérebro, o que deve ser considerado no merchandising.

  • Visão - 83%

  • Audição - 11%

  • Olfato - 3,5% 

  • Tato - 1,5%

  • Paladar - 1%


E por falar nos cinco sentidos, queremos mostrar algumas estratégias baseadas em cada um deles. 


Visão


Para que o merchandising seja efetivo, é preciso criar uma identificação imediata com seu público-alvo e também despertar sua atenção. Iluminação adequada, produtos bem distribuídos e investir no visual merchan, como o próprio nome já diz, pode ser essencial para melhores resultados. Porém, há outras formas de estímulos visuais, por exemplo a realidade aumentada (RA),  como pode ver no vídeo abaixo:


https://www.youtube.com/watch?v=f3kLtB3QGek 

 

Audição


Todo som ambiente deve ser direcionado. Não basta colocar qualquer coisa no alto-falante e esperar resultados. Estímulos auditivos não são barulhos e eles precisam se adequar à sua persona. Não espere chamar atenção de um idoso com música eletrônica. Há exceções, mas dificilmente você conseguirá atraí-lo. Esses estímulos devem ser pensados de acordo com o público que você deseja atrair. 


O tipo de som também pode ditar o ritmo das compras: mais agitado, mais calmo. Isso deve ser definido de acordo com seu negócio e os objetivos dele.

 

https://www.youtube.com/watch?v=vOBgI772Bkc&t=62s 

 

Olfato


No artigo “Estímulos sensoriais ao shopper”, publicado em 2013, Rafael D’Andrea, especialista em trade e shopper marketing, afirma que o olfato traz credibilidade ao que vemos e ouvimos e traz um exemplo:


“Imagine que o alarme de incêndio toque no seu ambiente de trabalho. Nem todos se levantam e saem imediatamente, mas se o som do alarme for associado ao cheiro de plástico, certamente mais pessoas correrão. Isso é a credibilidade”.


Outro exemplo são as lojas de cafés que chamam a atenção pelo cheiro do café passado na hora. Com certeza, seu público-alvo será estimulado a entrar na loja. Nas gôndolas de supermercados, por exemplo, se você for capaz de usar da mesma estratégia, ao estimular o olfato dos shoppers com o aroma do café, eles podem ser estimulados a comprar o produto.  

 

Tato


Quantas vezes você pegou um produto na mão somente para sentir a leveza ou a textura da embalagem? Estudos apontam que pegar um produto na mão gera a sensação de pertencimento, remove a dúvida e traz a validação para o próximo passo: a compra.  


Para um consumidor exigente, é impossível escolher sem tocar, apalpar, sentar, pisar ou deitar.


Um case bem interessante da utilização do tato como estratégia de merchandising é o da loja conceito da Pirelli, em Milão, na Itália.


A borracha é a anfitriã da loja: o carpete de borracha guia o visitante às diversas áreas disponíveis. A borracha é um elemento multissensorial têxtil e estético que abrange, também, a visão, o tato e o olfato, segundo reportagem da Revista AIShop (edição de Novembro de 2013).

 

 

Paladar


Quem nunca andou pelo supermercado e encontrou uma promotora oferecendo uma ”amostrinha” de alguma comida ou bebida? 


Um pão de queijo, um suco, um café, um biscoito. As chances de compra por impulso, porque experimentou, são bem maiores.

 

Apesar de o marketing sensorial no PDV possibilitar o estímulo dos sentidos simultaneamente, é preciso saber qual sentido deve ser mais evidenciado na loja e em cada ponto natural.

 

Promoções


Os consumidores adoram promoções! Imagine quando a promoção é do seu melhor produto. É comum nos depararmos com promoção de produtos com prazo de validade próximo a expirar. Mas que tal promover ações que fixam sua marca na mente dos consumidores? Conhecendo a qualidade do produto e vivenciando experiências terão a marca como referência no seu segmento.

 

Amostra grátis


A degustação é um tipo de ação de merchandising já consolidado nas empresas. Então como a sua marca ou produto pode se destacar frente aos concorrentes? Seja qual for seu ramo de atuação, o “grátis” é e sempre será uma forma de atrair um potencial público, e criar a experiência prévia no consumidor é ajudá-lo a decidir o que levar – e, claro, será o seu produto.

 

Elementos visuais 

 

Quando falamos de merchandising, precisamos nos atentar aos elementos visuais que serão utilizados para despertar a atenção no shopper. Isso inclui itens que chamam a atenção nos pontos naturais e pontos extras em que seus produtos estarão expostos. Alguns exemplos de elementos visuais são gigantografia, wobbler, régua de gôndola, adesivo de chão, papel forração, entre outros.

 

Aproveitar a sazonalidade

 

Datas comemorativas devem ser aproveitadas sempre! E você pode usar todas as ações mostradas anteriormente para atrair a atenção do shopper e dos consumidores para sua marca e produtos. Criar estratégias diferentes para cada oportunidade é sinônimo de merchandising assertivo, pois mostrará que sua marca também faz parte da comunidade em que está inserida.


E aí, identificou novas oportunidades para seus PDVs? Para as melhores estratégias de merchandising nos pontos de venda, conte com a Êxito Trade Marketing! Fale conosco pelo WhatsApp.






Como posicionar seus produtos no PDV e obter os melhores resultados
Os 6 problemas mais comuns nas gôndolas que você precisa evitar!
Como se preparar no PDV para a Black Friday.